Tag: licenciamento - página 2 de 2

15/02/2016 | Autor: Igor Abade V. Leite | Categoria: Negócios | Comentários

Você é desenvolvedor? Então tem Azure de graça para você!

Quer poder usar o Microsoft Azure de graça para poder experimentar seus recursos e testar na nuvem os sites e aplicativos que você está desenvolvendo? Então vou te ensinar como. Aliás, talvez você já até tenha acesso gratuito ao Azure neste exato momento e nem saiba!

Continue lendo

13/02/2015 | Autor: Igor Abade V. Leite | Categoria: Negócios | Comentários

“Sou parceiro Microsoft, por isso não gasto mais com licença de software”

Já perdi a conta de quantas vezes visitei clientes interessados em adotar o TFS que diziam coisas do tipo “sou parceiro Microsoft, então já tenho licença de Visual Studio para todo mundo”. Isso acontece porque um dos benefícios de se tornar um Parceiro Microsoft é receber licenças de software gratuitas para uso em sua empresa durante o período de duração da parceria. O que essas empresas ignoram (intencional ou acidentalmente; não faz diferença) é que “licenças gratuitas” não são a mesma coisa de “licenças de livre-uso”. Com isso, podem acabar irregulares e se expondo a uma ação anti-pirataria sem saber....

Continue lendo

14/03/2014 | Autor: Igor Abade V. Leite | Categoria: Negócios | Comentários

Entenda o licenciamento do Visual Studio Online

Convenhamos: licenciamento nunca é algo fácil de se entender. Quando envolve uma nova oferta então – como é o caso do Visual Studio Online – as coisas só complicam. Por outro lado, não dá para fugir dessa discussão. Para garantirmos que nossa empresa está devidamente licenciada (e não está desperdiçando dinheiro pagando mais que o necessário), precisamos entender exatamente como contratar e pagar pelos serviços do Visual Studio Online!

Continue lendo

20/02/2013 | Autor: Igor Abade V. Leite | Categoria: Negócios | Comentários

Não é permitido instalar software MSDN na nuvem

Com o uso cada vez maior da “nuvem” (seja Azure, Amazon ou qualquer outro provedor), surge a necessidade de estender nossos ambientes de desenvolvimento e testes para lá. Ou seja, pode ser que eu queira: Montar algumas máquinas virtuais no Azure para instalar uma farm de SharePoint e assim ter um ambiente para testar minhas customizações; ou Criar uma VM na Amazon com o SQL Server Analysis Services e o SQL Server Reporting Services para testar os novos relatórios que estão sendo criados; ou mesmo Instalar o Visual Studio Ultimate Load Test Agent em várias VMs para criar um teste...

Continue lendo